Be Water Network

Questões Frequentes

  • Quando faturamos por estimativa o cliente paga a água aos mesmos escalões que pagaria se fizéssemos leitura mensalmente?
    • Sim.
      A faturação é mensal e a leitura é bimensal, ou seja: de dois em dois meses. Assim, o cliente recebe no mês em que não há leitura real uma fatura, cujo consumo é estimado, calculada em função da média de consumos registados nos últimos doze meses. No mês em que é efetuada a leitura real o cliente recebe a fatura com a leitura da empresa, que compreende o período entre a estimativa e a leitura real, deduzida dos consumos estimados já faturados.
  • A que correspondem os valores fixos pagos mensalmente?
    • O preço fixo de água é o valor aplicado em função do calibre do contador instalado e expresso em euros por cada 30 dias, durante o qual o serviço se encontra disponibilizado ao utilizador final, visando remunerar a entidade gestora por custos fixos incorridos na construção, conservação e manutenção dos sistemas necessários à prestação do serviço;


      O preço fixo de saneamento, é o valor aplicado aos utilizadores do serviço prestado através de redes fixas, em função do tipo de utilizador, visando remunerar a entidade gestora por custos fixos incorridos na construção, conservação e manutenção dos sistemas necessários à prestação do serviço, expresso em euros por cada 30 dias.

  • Como efetuar um pagamento após a data limite?
    • Após a data limite pode sempre efetuar o pagamento através de cheque, vale postal, à ordem de Águas de Paredes ou nos balcões da nossa empresa na Rua de Timor nº 27 4580-015 Paredes das 9:00 as 16:30, acrescido dos respetivos juros de mora.
  • O que fazer para não ter estimativas?
    • O cliente pode sempre comunicar a leitura do seu contador, dentro do período mencionado na fatura, através da linha de apoio ao cliente 808 202 813 ou pelo endereço de e-mail leitura.paredes@bewater.com.pt sendo a faturação efetuada com a leitura que nos foi comunicada. Nos meses em que existe leitura real por parte da empresa, é essa a que prevalece para efeitos de faturação.
  • O que fazer quando o consumo e elevado?
    • Quando se verifica que o consumo de água é elevado para além do consumo normal é importante verificar se este é devido a um consumo real ou a existência de fuga na rede predial.
      Para despistar a existência de eventual fuga aconselha-se a, em período noturno pois causará menos incómodo, fechar todas as torneiras, anotar a leitura e na manhã seguinte, antes de utilizar o serviço, verificar se o contador registou consumo. Se sim, então provavelmente poderá estar perante uma situação de fuga na rede interior, pelo que se aconselha proceder à sua deteção e consequente reparação.

  • Quais os documentos necessários para celebrar contrato?
    • Os documentos necessários para a celebração de contrato são:

      - Cartão de Cidadão ou Bilhete de Identidade;
      - Número de Contribuinte;
      - Documento do imóvel (Caderneta Predial, Escritura ou Contrato de Arrendamento, caso se trate de proprietário ou inquilino);
      - Atestado de residência, passado pela Junta de Freguesia, (quando não exista documento legal do imóvel).

      Obs.: Para as situações em que a instalação já tem contador associado e se pretenda fazer alteração de titularidade, para além dos documentos acima mencionados, deverá indicar qual o número do contador associado à instalação, bem como a respetiva leitura.

  • O contrato só pode ser celebrado presencialmente pelo titular?
    • Não.
      Preferencialmente os contratos devem ser celebrados pelos efetivos utilizadores dos serviços. No entanto pode ser celebrado por terceira pessoa, desde que se faça acompanhar por uma autorização do titular, acompanhada de documento de identificação deste último.
  • A água da rede pública é sujeita a controlo?
    • Sim.
      Para que a água da rede pública chegue a todas as habitações nas melhores condições para consumo humano a Águas de Paredes controla rigorosamente a sua qualidade, em obediência ao disposto no Decreto-Lei n.º 306/2007, de 27 de Agosto, que entrou em vigor no dia 1 de Janeiro de 2008.

      Para uma informação mais detalhada consulte aqui.

  • Como aderir ao sistema de débitos diretos SEPA?
    • A Águas de Paredes, decorrente da Diretiva Comunitária 2007/64/CE que altera o anterior sistema de débitos diretos para o sistema SEPA , disponibiliza-lhe o mandato para adesão ao sistema de débitos diretos SEPA, bem como o respetivo explicativo para o seu preenchimento.

      Após efetuar o preenchimento deste documento deverá proceder à sua assinatura, conforme bilhete de identidade/cartão de cidadão, e juntar a seguinte documentação:

      1. cópia/digitalização de bilhete de identidade/cartão de cidadão;

      2. cópia/digitalização de documento/extrato/cartão comprovativo de titularidade da conta bancária;

      Por fim, deverá efetuar o envio do mandato e da documentação acima referida para a Águas de Paredes por uma das duas formas disponibilizadas:

      A. Por correio para a morada indicada abaixo:         

              AP – Águas de Paredes, S.A.

              Rua de Timor, n.º 27

              4580-015 Paredes

       

      B. Via e-mail para o endereço abaixo indicado:

               aguas.paredes@bewater.com.pt